30.06.11


Antes que a Biscoito Fino tire do ar. Ele riu, acho que super curtiu, porque deve detestar ser chamado de unanimidade. Mas também ficou espantado, né? Um pouco chocado. O que eu tenho a dizer pra quem fala mal do Chico Buarque: --------------------------------------------------------------------






Olha,
Entre um pingo e outro
A chuva não molha.

Torcendo pelo Millôr, o maior intelectual vivo do Brasil. (Poeminha @Via EdsonAran)




UAU! (Via @suamaeehhomem)



29.06.11



Curiosidades.





Agora que Chico Buarque sentiu na pele, é capaz de o resto do mundo se dar conta também. Estreante na internet, meio pelo qual vem vendendo seu novo disco, Chico descobriu que não é mais unanimidade nacional. Como revelou a coluna Gente Boa, no vídeo que seu site pôs no ar na última terça-feira, o compositor revela seu espanto diante dos comentários deixados por lá:

"O artista acha que que é muito amado. As pessoas dão 'bom dia' na rua, aplaudem seu show... Aí, ele vai para a internet e descobre que é odiado. Eu nunca tinha entrado nisso. Na primeira vez que fui, fiquei espantado. Li coisas como "Esse velho... O que o álcool não faz com uma pessoa?', o que é uma injustiça, eu nem bebo mais. Eles têm uma raiva... Se morrer, é pior. Vão escrever 'já vai tarde'."

É impressionante mesmo o nível raivoso daqueles que se dispõem a comentar em blogs e sites. O humorista Bruno Mazzeo já vinha denunciando isso. "Se você fala sobre uma cantora, logo vem um comentário?"É sapata como todas as outras'."


"Não há exceções. Mas fica uma pergunta que não quer calar: onde é que essa gente se esconde na vida real?"  (Artur Xexéo - O Globo)






28.06.11
Gosto da sensação do cansaço físico, mas cansaço mental odeio. Estou tão exausta. Parece que estou carregando um pedregulho nas costas. Mimimi. Queria ir dormir, mas Dona Odete morre amanhã. E hoje será revelado aquele segredo. Corro demais de um lado pro outro. O estresse de ter que esperar. Finalmente Olavo aparou todas as pontas, e contou as novidades. Não consegui me concentrar nas informações mais complexas. De vez em quando paro e penso: Por que estou na pilha? O que está dando errado? A resposta é Nada. Marina, Marina. Menos.

Entrei no meu vestido predileto, e nas minhas calças lee 36. Ou seja: Fiquei 4 meses sem ir à ginástica e emagreci 4 quilos.

=O

Comer vírgula emagrece. Mas tem muitas outras coisitas pra se fazer numa academia. Massa muscular etc. Bora então. De noite. Agora partiu. Agendão de terça.

                                                                                                         Foto de Nicolas Guerin

Nem deveria ficar escrevendo essas coisas, sou o maior fogo de palha. Meu arquivo é um factóide: comecei a caminhar na Lagoa; estou comendo frutas diariamente; comecei a beber água. 
Dar prosseguimento: não há registro.
Nina, Nikita
                                                                    Nina, Babette



Picadinho Voltei à academia, frio, brisa gelada no rosto. Tentando largar a droga [twitter] aos poucos. Domingo tive crise de abstinência, um mau humor incrível, rodei todos os canais de televisão e não tinha um, não estou falando dois ou três, mas um programa que desse para assistir. A única coisa que me interessava começava meia-noite, no SBT. Não conseguia ler. Por isso que eu digo: tenho que adquirir hábitos bons. Porque é impressionante como sou presa a hábitos. Tipo só ler antes de dormir; esperando uma consulta, ou na fila. Sanduiche de ricota & tomate em rodelas. Depois de quatro meses sem ir à academia, me peso e vejo que perdi 4 quilos e cem. Me alimento erradamente. Precisava era perder umas gordurinhas localizadíssimas. No início de julho tenho um casamento para ir, e o vestido que mais gosto não entra. Não experimentei, mas já sei. As localizadas. Sexta-feira a Odete vai ser assassinada.



Just a day Meu nome é marina w. e há dois dias não entro no twitter.
                                                     Ed Harris


26.06.11



"Ando a desenvolver um fetiche por mulheres vestidas." Uma pena esse blog português ter acabado.


25.06.11


 
Os melhores de 2011 / Primeira parte/ TV

Novela: Vale Tudo (Viva)
Ator Antonio Fagundes (Vale Tudo, e Insensato)
Atriz: Gloria Pires (idem)
Programa: Programa Legal (Viva)

Ou seja.



DNA A notícia do dia é que o filho da jornalista Miriam Dutra não é do Fernando Henrique.


23.06.11
                                                                  Paparazzo
Ashton Kutcher & Demi Moore


22.06.11

ffffound.com



Faixas do novo cd do Chico


1. Querido Diário
de Chico Buarque
2. Rubato
de Chico Buarque & Jorge Helder
3. Essa pequena
de Chico Buarque
4. Tipo um baião
de Chico Buarque
5. Se eu soubesse
de Chico Buarque
Participação especial: Thais Culin
6. Sem você nº 2
de Chico Buarque
7. Sou eu
de Chico Buarque & Ivan Lins
8. Nina
de Chico Buarque
9. Barafunda
de Chico Buarque
10. Sinhá
de Chico Buarque & João Bosco
Participação especial: João Bosco



Bizarro. A Xuxa apresentava o programa infantil assim?! Que louco.





Sono, baby.

21.06.11

                                ffffound.com
                                                   
                                                   
As 10 chacretes que ficaram mais tempo no ar com Chacrinha

Gracinha Copacabana
Regina Pintinho
Fátima Boa-Viagem
Loira Sinistra
Daisy Cristal
Vera do Flamengo
Beth Boné
Suely Pingo de Ouro
Rita Cadillac
Adeli

(Do livro Os dez mais, de Luiz André Alzer e Mariana Claudino)

                                       
Esqueçam tudo que eu escrevi. Sobre as tais colheres de pau a preço de banana, da loja de Copa. Já estão pretas. As que comprei no Shopping da Gávea, ano passado, continuam ótimas. Nada que custe um dólar vale à pena ter (Elizabeth Arden). Não que eu concorde plenamente, mas no caso.
                                      


Caderno de Érico Veríssimo (via Mari Newlands) 

                             


Como diz um amigo da Clarinha, terça é lobo em pele de cordeiro. Como diz a Clarinha, quarta não se decidiu de que lado está, além de não ter carisma.


20.06.11                                                   Paparazzi
                                                                    Natalie Portman
                                                                  
um sonho: um homem que ficasse de conchinha comigo até eu pegar no sono e depois se transformasse num colar de pérolas. (@cherguevara)





Bem-vindo, inverno.


Feliz por fora Quando você olha pra alguém e pensa: a vida dessa pessoa deve ser bem legal blablabá. Porque ela tem um trabalho bárbaro. Porque ela é casada com o cara mais bacana que você já conheceu. Porque ela é diretora de televisão. Porque ela é anjo da Victoria's Secret. Etecétera. Agora não imagino mais nada. Porque no outro dia, há uns dois meses, fui à uma festa. Depois direto pra casa de uma amiga, super perto da minha. Muito bem. Ficamos conversando até não sei que horas. Oito da manhã? Não lembro.

Quando estava vindo pra casa, era sábado, e tinha feira na rua ao lado. Uma mulher caminhava na minha frente, com um vestido colorido, lindo. Sacola charmosa, e na mão levava três flores. Puro charme. Pensei: "Poxa, queria ser como essa mulher. Tão saudável, feira de manhã, apenas três flores, tudo tão bacana. Eu ainda nem fui dormi, deveria estar comprando aipim e frutas". Quis ver o rosto dela. Vi. Era uma mulher que eu conheço, legal, mora na minha rua, é super infeliz (depressão, e outros problemas), e as flores eram para a missa de sétimo dia de um amigo. Quer dizer, as coisas não são bem assim.




19.06.11



Depois de dez dias recolhida, curtindo o quentinho da minha casa, dvd, Ruth Rendell, meu sábado e domingo foram tipo: a delícia das delícias. Beijos a todos os envolvidos. Beijaços.

                                           Chuck Berry and Mick Jagger


Madrugada Vinho, mini-nhoques, pizza do Braz. Delícias ciblianas. G.Z. não é mais ateu - revelações espirituais em Paris. (Dandy). O rapaz insiste no corte romeu. Aventura de madrugada. Felipenetismo causando vergonha. Teresa,

Banca de jornal Natalie fica grávida do amante, e perde todos os direitos. Marina volta a acreditar em Pedro. Natalie coloca a mãe na cadeia.






- Você emagreceu.
- O rosto?
- É.
- Meu Deus.
- Isto é ruim?
- É, muito.
- Ficou mais bonita.


Os homens, que são tão mais inteligentes que nós, sabem estancar um mimimi.


16.06.11



Anotações no guardanapo / Dia de hoje Vulgue Tostoi. A sombra da rosa. Las cartas cambiantes. Abóbora. Motivos japoneses. Fábrica de fabricar bilhetes. Pedra camuflada. Sol de montanha. Mundo da ilusão. Abóboda. Músicas.
  Tenho me divertido tanto. O ano mais louco de todos.
                                                   
                                                                
                                                             Casa dos artistas




Marilyn Monroe, Brentwood, CA.
(Linda, singela. Ela já era uma estrela.)
                                              
o caderno de cozinha de marina w Se estiver achando que seu sanduíche wickbold-com-ricota-e-tomate não está agradando à família como você imaginava, existe uma solução: Enfeite. Os ingredientes do sanduíche são os mesmos, o que muda é a maneira de descrevê-los. Divulgue o cardápio por email, ou deixe pregado na porta da geladeira.

Hoje Fatias de torradas crocantes, a base de iogurte e granolas, sobre delicadíssimas fatias de ricota, e lâminas de tomate, regadas com azeite extra virgem espanhol.

                                 



Êxtase Terminei Patricia Highsmith, e fui direto para Ruth Rendell, depois mergulhei em outro da Patricia. Quando eu acabar, veja bem, mais Ruth.



Twitter

@realwmarina já pensou que loko se o tim maia estivesse vivo e lançasse "só não pode dançar homem com homem, e mulher com mulher"?

Block no Tim Maia. Todo dia tem um tema central no twitter, ontem foi o chocolate kit kat.





Tenho inveja de quem não assiste, nem nunca assistiu. Se eu fosse essa pessoa iria correndo ver aqui, um cap. atrás do outro, passar o fim de semana vendo Vale Tudo. Como fiz com Som e Fúria - eu pirei com a minissérie. E é uma delicia ver direto. Não gosto de spoiler, lembro de muito pouco, tipo o Dennis Carvalho formar um par com a Heleninha. Todo dia tem uma surpresa. Lembro também o terrível segredo em relação à Heleninha.

(É fogo quando o ator está com três programas no ar, como Antonio Fagundes e Glória Pires. Pode ocorrer erro grave, exemplo, Stephan Nercessian fazer o mesmo personagem em Vale Tudo e Anos Rebeldes.)




O carocinho embaixo do queixo da Alice não é tumor, é cisto. Então hoje foi o dia mais feliz do ano. Ela tirou o colarzinho, e lembrei daquele lance da família pobre cheia de filhos, para quem o sábio sugere colocar uma vaca na sala. Depois da uma semana, quando retiram a vaca, a sala fica imensa. O alívio da Alice.




Fulana tem jeito cafona de escrever. Depois de dez dias - muito felizes, diga-se, sem sair de casa no quesito lazer, fui comer torta integral no Café - não é meu estilo. (Meu estilo é empada de palmito de verdade, ou folheado de queijo. Também aceito pastel de queijo). 


Estava ligeiramente queimada por fora e morna por dentro. Isso não é exatamente um programa, mas saí muito cedo de casa, estava fazendo hora para fazer mão. Daí encontrei o compositor, e passamos a tarde juntos. Sentamos no deque pra ver as garças da Lagoa. Sexta disfarçada de quinta, prefiro. Sexta gosto de ficar na minha casa; sábado também. Às vezes é legal sair com amigos. O caso é o frio. O edredon. A vontade de ficar a sós comigo mesma. Às nove ligo a televisão. Friozinho. Pijama. Sanduíche. Moleza de Champix.


15.06.11                                                   Paparazzi

Glória Pires
14.06.11



Madrugada Estava aqui fazendo contas - quando você acha que tudo vai ficar superbem, tua geladeira quebra, a cortina despenca, o estofador cobra mais caro do que você esperava, sua gatinha adoece, e a casa precisa de uma nova torradeira, já que finalmente, depois de anos de súplicas, seus filhos aceitam substituir jantar por lanche.

Então estava procurando uma conta antiga. Daí vi que tinha separado um bolo de papéis para reler, depois de tantos anos. São emails que imprimi, acho que pra me sentir mais amparada, de leitores do blog, enviados quando revelei que estava com depressão, em 2002.

São confortantes e bonitos. Estão fora de ordem, e acho que tem outra leva na minha caixa de papéis. Que bom que imprimi. Descubro que a Cecily já vinha aqui nessa época - e eu achava que ela era leitora tão recente. Marlyzinha, Ledu, Renata, Marília, Fer, Frau, Fal, Ella (cadê você?), Teresa, Leandra, Ayrton - amigos da vida real - e agora namorados, Helena-Helena, Áurea, que incluiu a frase do Victor Hugo - Melancolia é a alegria de ser triste, num email encantador. Cadê você, Áurea? Mel, Quel, Alessandra, Terpsícora, Julia, Bia, Marília, Jean, Comandante Nelson, Paulo. Vocês aqueceram meu coração com poemas, frases, e principalmente um afeto tão grande, que era como se segurassem com força a minha mão pra eu não cair. A vida é engraçada. Tanto tempo passou, sofri muito, fiquei boa, escrevi livro. Não sei como terminar este post. 
Amor.



13.06.11
              

Viva Santo Antonio!
                   

Meu eleitorado / e-mail

- Filha, você viu minha necessaire? Meu Deus, com tudo dentro...!!
- Não tá no forno?


09.06.11


Olha. Agora é o seguinte: O que são 10 mil reais pra ele? O mesmo que 10 reais pra nós. É o que eu chamo de "Vamos deixar por isso mesmo."







Minha nada mole vida Anteontem não dormi. Quando fui deitar, por volta das duas, Alice conseguiu tirar o colar. Fiquei naquele nervosismo. Porque tem pontos perto da boca, e também embaixo do queixo, e ela não pode puxá-los com o dente. Fique tentando consertar, tinha uma coleirinha que comprei à parte, mas não conseguia descobrir sua função, mesmo porque estou completamente pirada.

Sei que história sobre gatos podem ser maçantes. Conclusão (vou logo pra conclusão): trouxe tudo que é dela, comida, água etc, deixei no quarto e banheiro, e fiquei bem abraçada pra ver se conseguia acordar caso ela se mexesse. Mas ela não parou quieta. Parecia um coelho. Pulava da cama, voltava, pulava, tentava tirar o colarzinho, e eu bamba de sono. Nem tive sonhos, e acordei com a cabeça oquíssima.

Fui direto para a clínica. Um dos veterinários colocou o colar de maneira correta, e explicou a função da coleirinha. Falei que ia sair de noite, e tinha medo de ela tirar outra vez. Ele disse que não podia me dar certeza de que ela não tornaria a tirá-la. Como vou fazer?

"Você não vai sair" - decretou, ultra charmoso.

Cheguei em casa e liguei pra ele. "Aquele lance que você falou sobre eu não sair é verdade?". Ele falou que sim, que eu deveria ficar ao lado dela, estava recém-operada, e precisava de mim. "Mas vou ficar dez dias sem sair?". Não, só o tempo de ela acostumar com a golinha.

Este é o primeiro mimimi. Perdi a exposição da Luciana, o jantar do Alex, e amanhã vou perder a noite de autógrafos do Carlos Nobre. Mas a causa é nobre demais: Alice. Preocupada porque às sextas, saio cedo e volto no final da tarde. Estou sempre preocupada. Uma chatice mesmo.

Queria pedir sinceras desculpas. Mas nenhum dos três lê o blog.




07.06.11

Alice de colar elizabetano dá cabeçada nos móveis da casa. Troco tudo de lugar. Abro os armários, e em minutos resolvo tudo. Sou rápida. Não quero nada que esteja sobrando. Estofador. Terminar de escrever epílogo. Dentadas no Alpino. Rodízio de receitas. É tempo de desaprender. Astromélias brancas amam o frio. Meu quarto virado de cabeça pra baixo. Fazendo contas. Enrolando você.


06.06.11

Meu caderno de Coisas


mariA ADRIAna, que "emprestou seu nome ao Mar Adriático." André.

Ah!



Momento ego trip.


 Correspondência eletrônica
 Encontrei agora há pouco o Pedro Bial, e ele perguntou como você estava. Ele disse que seu livro é de uma   delicadeza incrível, e que até imaginava que o livro tivesse uma repercussão maior.
Ele te respeita muito, e disse:
- Eu nunca a vi, e sempre a amei! 
S.






Está frio, mas o sol está batendo um bolão na minha sala.


05.06.11
Copacabana, meu amor Não uso relógio pelo mesmo motivo que não uso pulseira, me dá nervoso coisa presa no meu pulso. Bom, o assunto é: descobri a controlar o tempo. O tempo de relógio, claro. Nas sextas tenho dois compromissos, com duas horas de espaço entre um e outro. Ficava lendo na sala de espera, e chegando cedo no compromisso seguinte. Precisava ir à Ipanema resolver um problema. Angela disse para eu ir, que obviamente daria tempo. Fui. Resolvi tudo, ainda passei no banco, e almocei. Cheguei às 4 em ponto.

Daí na sexta passada fui aproveitar esse tempo livre para comprar pisos para os banheiros. Andando pela N.S. de Copacabana lentamente, observando as vitrines, entrei na Lealtex - uma loja popular - quem não gosta? Saí levando também um pano de prato que me atraiu por sua singeleza: "Deus abençoe esses alimentos", escrito embaixo de uns desenhos de frutas, flores e objetos de cozinha. Não achei kitsch, achei lindo.

Depois entrei em outra loja, porque quase na calçada, baldes de pipoca por 3,90 chamaram minha atenção. É o tipo de coisa que precisamos aqui em casa. A travessa leitosa que costumávamos usar não cabe o pacote inteiro. Era o mesmo que eu via em outras lojas: laranja, com pipocas espalhadas, escrito popcorn. Peguei dois, e entrei.

A loja, que se chama Casa & cia, ou algo do gênero, deveria se chamar Deu a louca no mundo. Porque comprei muitas coisas, e deu 35 reais. 


Cinco copos bonitos, que variei, escolhendo um de cada tipo. 
Um deles, de cinco reais, custa 10 no Extra, do Largo do Machado. 
Sei porque desisti de comprá-lo - não queria gastar 50 reais em copos. 
Os outros custaram 2,50. 
Cinco colheres de pau, 
uma peneira de bordas vermelhas, 
um rolo de papel alumínio, 
um amassador de alho, 
e uma xícara com bolas desenhadas. 

Queria ficar mais tempo, mas ainda precisava procurar um Bradesco pra ver se, por milagre, encontrava uma máquina de cheques funcionando.

Numa banca de frutas comprei tangerina e um avental azul. Voltei pra casa com seis papéis diferentes, que taquei na bolsa, sem olhar: quatro de Compro ouro; uma clínica médica com consulta de 25 reais; e outro que prometia alívio das dores e tensões musculares, através da acupuntura e florais de Bach. Nhé.

 




Caderno de sonhos Madonna sugere que a gente veja suas fotos para escolher a mais bonita. Eu puxava seu saco de maneira constrangedora, e digo que acho todas lindas. 




Uma vez uma terapeuta questionou o fato de eu não usar relógio no pulso. Hoje é uma coisa em extinção, mas não existia celular nos anos 90. Acho muito charmoso um homem de relógio. (vou passar pra outro post)

Jornal No Rio, crime do colarinho branco sem punição. Palocci mora em imóvel de laranjas. Impunidade agrava situação dos marcados para morrer. Bope prende bombeiros.


04.06.11



Minha alegria durou pouco, pouquíssimo. Uma mulher que mora no Ceará, onde os circos são proibidos de usar animais "silvestres" e "exóticos", contou que estão apelando para cachorrinhos. O circo do Beto Carrero, agora administrado por seu filho, usa cavalos e um cachorro, e ninguém pode fazer nada. A lei permite (deletado)

A gente pode até mudar o mundo, mas não muda a natureza humana. (@LigiaCap)




Não acredito que aceitaram a união de casais gays, e agora proibiram animais em circo. Mudei para a Suécia?

Livro reúne animais em momentos de lazer.


(via @Be_neviani)




31.05.11




Querido diário Enjoo tremendo. Não deu nada na endoscopia. Alice hoje foi ao Zona Sul e a farmácia, depois fazer exames de sangue e raio X do tórax. O veterinário disse que esse lance de multiplicar a idade do cachorro/gato pra ver quanto seria se fosse gente é a maior cascata, é outro critério, e Alice tem cerca de 90 anos. =O




30.05.11                                                   Paparazzo

Naomi Watts







Sinfonia no. 5 (Beethoven)
Love me tender (Elvis Presley)
Yesterday (Beatles)
Satisfaction (Rolling Stones)
Johnny B. Good (Chuck Berry)
I feel good (James Brown)
Carmina Burana (Carl Orff)
Another brick in the wall (part ll)
Thriller (Michael Jackson)
Imagine (John Lennon)


(As dez músicas mais importantes de todos os tempos, por DJ Malboro - Do livro Os 10 mais)


Sonhei que o Marcelo Rubens Paiva tinha um filho chamado Orkut. No outro dia uma criança foi batizada Curti, vocês leram?


29.05.11


Caderno de sonhos Pegava um caderno escolar e escrevia na capa vermelha: O Diário de marina w. Tinha resolvido passar todos os meus diários a limpo. Quando abro o caderno, vejo uma letra a lápis, miúda e infantil, e percebo que é da filha da (cantora) Maria Rita. Fico aflita tentando achar um outro igual, para trocar a capa, em aspiral. A ação se passa em um cabeleireiro. De tacada o livro da da PH, Este doce mel mal. Às quatro lavei pequena pilha de louça, com água quente e luvas. Amanhã vou fazer endoscopia. Sinto calor e frio. As gatas renovaram o contrato.


Código florestal Meu Deus, quem viu as as correntonas que arrastam árvores e animais, desmatando a floresta? País na contramão da história.
28.05.11
Cadê meu celular? Cadê meus óculos escuros?

=O



27.05.11

Para fazer hora, saí de Copacabana e fui à Ipanema, antes do dentista. Ia falar outras coisas, mas é tão complexo, vamos ficar na superfície mesmo. Então, agora que saquei a noção do tempo, entrei na Travessa e na pratelei




- Estamos afogados em relatórios e notícias sobre nós mesmos. Com os canais de jornalismo 24 horas e a internet, não precisamos de ainda mais informação sobre nossa sociedade. Mas o romance, por existir num tempo mais lento do que o do jornalismo, é capaz de isolar todo esse ruído e dar atenção às coisas que realmente importam, aquelas que não estão sendo noticiadas.

- O leitor ideal é alguém que anda por aí sentindo que todo mundo parece saber o que fazer, menos ele, que todos estão seguros enquanto ele está cheio de conflitos, e que ninguém parece incomodado com as coisas que o incomodam.

- É encorajador acreditar que ainda há lugar no mundo para o romance, porque bons livros continuam a ser um espaço onde o mundo pode ser discutido em sua complexidade real, com ambigüidade, incerteza e humildade.

Jonathan Franzen, para O Globo.






26.05.11
Ontem, missa de sétimo dia, com padre conservador e discurso do século 19. Depois amiga da Vera disse que eles fazem alongamento juntos na Body Tech. Oi? Sopa de aipo e batata, com o Zé. Dormindo com dois edredons. Sem vontade de sair, mas amanhã tenho agendíssima. E de noite chopes para comemorar o aniversário delas







Moda é desejo, e na coleção de inverno de 2010 já despontava o Desejo de pelo.Patrícia Veiga, estilista.
A pele esquenta, é uma delícia.. A gente se sente protegida. Costanza Pascolato, consutora.
Meu casaco de peles preferido, herdei da minha avó. É de vison. Juliana Burlamaqui, consultora de imagem.
O pelo sintético não tem o efeito de natural. Não desperta o mesmo desejo. Victor Dzenk, estilista.

(Revista Oh!, suplemento do jornal O Globo. Ilustração daqui.)

Vivemos num país tropical, seus cafonas.

DK


.......

25.05.11
Justiça Pimenta Neves: enfim uma notícia boa.


24.05.11

1. Candeia
2. Manacéia
3. Almir Guineto
4. Cartola
5. Dona Ivone Lara
6. Arlindo Cruz
7. Monarco
8. Barbeirinho
(Trio Calafrio)
9. Luiz Grande
(Trio Calafrio)
10. Marquinho Diniz
(Trio Calafrio)


Os 10 maiores compositores de samba de todos os tempos, por Zeca Pagodinho - do livro Os dez mais, de Luiz André Alzer e Mariana Claudino.

.......


23.05.11


Uma garota que trabalha com a minha filha, tem tiradas geniais ("O William Bonner estava no elevador, suei monange"). Então o amigo do meu filho saiu com uma menina. No outro dia estava sem grana nenhuma. Teve a cara de pau de mandar um email pra ela "A tua parte no motel foi 120 reais". Não sei qual foi sua reação, mas a garota que tem tiradas geniais falou: "Se fosse eu, diria: faço programa por 200, você me deve 80". Adoro.
 ......
Banca de jornal Leo morre. Impossível, senão acaba a novela. Norma mata Teodoro. Estranho. Que eu saiba eles vão viver um romance. Zé Wilker mata Irene. Por que? Queria escrever sobre Ó Insensato, mas estou ocupada. Depois eu volto.
 ......
Sábado nostálgico Sangria & Opium

 ......
03:00 MC voltou do show do Paul McCartney, contando que todas as pessoas da pista prime levaram cartolinas escrito Na Na Na, para quando o beatle cantasse Hey Jude. Ele ficou bolado. No final da música levou as mãos à cabeça: "Fantastic!".

Jogaram uma camiseta no palco, ele pegou, era uma camiseta do Brasil, escrito atrás: Macca.

Cariocas são bacanas.


  ......
21.05.11
                                                    Patricia Highsmith

......






Quase tudo que aconteceu Ontem no final da noite, a mãe de S. morreu. A cerimônia foi muito bonita. No mesmo dia, o irmão dele, em Brasília, capotou quatro vezes e saiu do carro ileso, pode-se dizer que o terno nem amarrotou. 

Gosto tanto da família Rezende, é como se fosse extensão da minha. E a vida segue. (Risadas, como se fossem abraços). Não tenho escrito, muitas coisas acontecendo. Meu livro (ia escrever filho, ato falho) Diário de uma Bipolar será relançado em setembro, segundo a editora da Nova Fronteira, revisado e ampliado. L.C. esteve no Rio (L). São três da manhã. Incrível que estou vendo Tubarão, na tevê. É tão tosco. E pensar que da primeira vez eu fechava os olhos cada vez que ele aparecia, e de noite não dormi achando que poderia ter um debaixo da minha cama. Oe?

Engraçado eu estar assistindo Tubarão, porque faz uns meses que comecei a não gostar mais da ideia de entrar no mar. Gosto de vê-lo em fotos, me dá um tremendo frisson. Só. Sempre gostei tanto de mergulhar, subir nas ondas, nadar. Preciso falar com Alex sobre isso, porque acho que é uma metáfora. Metáfora particular. Como não posso viver sem sol, preciso ir à cata de piscinas. Vejo o tubarão, e só sinto muita pena. O oceano não pertence a ele? Reli Águas profundas; revi Interiores - gosto da fase cinzenta do Woody Allen. Lendo Lobão. Querem matar o Ronald MacDonald. Dou força.



12.05.11
Quem Suri, 5 anos, está na lista das 30 "mulheres" mais bem vestidas do mundo. Detalhe: O valor do seu guarda-roupa (Armani, Dolce & Gabanna, Marc Jacobs etc) é estimado em mais de 5 milhões de reais. Que tal? 

......

MET, em Nova York, abrindo a exposição em homenagem a Alexander McQueen, páginas e páginas, com opiniões de estilistas. Vejamos as minhas. 

Gisele Bündchen: Vestido vermelho super poderoso. Lindona, claro. 


Detalhe: Muitas mulheres, se não a maioria, usavam caudas, algumas enormes como as das noivas. Vou pular quem não conheço, a não ser que tenha chamado muito minha atenção. 


Madonna: Vestido de mega estrela. Azul cobalto, com cauda, salpicado de estrelas bordadas, bem sereia. Gostei bastante. Depois soube que ela brigou com a Stella McCartney porque

Anna Wintour: Odeio tanto essa mulher que nem quero comentar. Pra mim ela está sempre horrorosa, e é a primeira vez que vejo ela vestida sem pele animal.
Sarah Jessica Parker: Vestido com gola meio rolê, parecia que estava enforcada. 
Iman: Macacão estilo Anos 70, de paetê dourado. Interessante.

Naomi Watts: Meio óbvio, não gostei principalmente das mangas compridas. 

Claire Danes: Metálico, nude e muito batido. 
Miranda Kerr: Adorei. Meio vestido de noiva curto. 
Dakota Fanning: Exagero puro. Não gostei. 
Gwyneth Paltrow: Branco, brilho, com fenda nas pernas. Bonito para quem tem corpão que nem ela. Renée Zellweger: Fenda na perna, muito usada por sinal, ela ficou bem. Bonito pra quem pode. 
Raquel Zimmermann usando um vestido do homenageado. Horrível. 
Demi Moore: parecia uma ave preta. 
Rumer Willis: o filhote da ave. 
Lucy Liu: Plumas e mais plumas. Feio. (Agora vou pular um pouco porque já estou ficando meio de saco cheio de escrever)

Pénelope Cruz: não curti muito. Jessica Alba: Idem. Daphne Guiness usou um vestido McQueen que é praticamente uma performance. Horrível. Janele Monae não sei quem é, mas com certeza foi a mais mal vestida. Calça acetinada colada no corpo, camisa branca terrível, e cartola. Socorro. Stella McCartney (9 entre 10 estrelas usaram sua marca): Não vou falar da minha musa, mas realmente parecia um pinguin. 


Ah! Madonna brigou com Stella porque achou o vestido da Paltrow - sua ex-melhor amiga, mais bonito do que o dela, que a "engordou". Beyoncé usou um McQueen. Cruzes. Mary-Kate Olsen: de vermelho, parecia uma morta-viva, como disse a comentarista da roupa.

Naomi Campbell: Estava drogada quando se vestiu? Cruz credo. (Leio num site que o vestido é do homenageado. Bom, então não curto nada que ele fez.) Plumas infelizmente estão em alta.

Cansei.

(Quero aproveitar esse momento moda pra agradecer a Fer Chaib, que me mandou via *sedex* uma bolsa linda demais.)


 ......
Amigo da minha filha chegando junto, na night.

- Prazer, hetero.


Adoro.

10.05.11


Diário de papel Todos esses dias, que parecem séculos pra mim, tenho sentido falta de escrever aqui. Porque no papel não consigo mais. O que é íntimo demais, guardo pra mim. Tenho um monte de diários incompletos, vivo mudando de cadernos e desistindo. Às vezes acho que me exponho demais, outras penso que se já contei toda a minha vida no meu livro, embora saiba que são coisas distintas: o livro está dentro de um contexto especial.

Estou muito tensa. Ontem aconteceram coisas diferentes, misturando tristeza e alegrias. 1) Tive um encontro com um ex-namorado, que me deixou feliz. 2) Finalmente encontrei alguém para cuidar com muito interesse da segunda edição do meu livro. 3) Estou produzindo coisas. Frila fixo. Preciso ter algum trabalho pra fazer, senão saio flutuando por aí. O trabalho me serve de âncora (essa frase saiu bem cafona). Por outro lado, minha sogra-querida está em estado gravíssimo, coma induzido, o que me angustia. Pra ela, morrer seria o melhor negócio, porque ninguém pode viver sem estar de fato vivendo, e depender sempre de alguém até para beber um copo de água. Quer dizer, a vida é isso mesmo: alegrias e tristezas. Não era nada disso que eu pensava em escrever, mas foi o que acabei escrevendo.


Blog/ Arquivo Eu usava vírgula antes de etc. Não usava ponto final. Salpicava vírgulas com mais displicência do que hoje em dia.


08.05.11
O que é mesmo que eu ia falar sobre minha memóra?

07.05.11

Oi, fera.


                  


Richard Tuttle / Purple Octagonal / 1967




Madrugadona de sábado Nem parei em casa etc. Quinta, sarau na casa da Beth Carvalho, super sambistas parará. Histórias, feijoada, cavaquinhos. O mais legal foi reencontrar Dirceu Leite, e se t

Todo mundo conhece a história, João Gilberto de madrugada pedindo pra alguém conseguir um baralho pra ele, Elba R. toca a campainha e, para sua frustração, o compositor pede para ela passar as cartas por debaixo da porta. Porém, existe uma outra versão: o que João teria pedido foi outra coisa, que por coincidência, começa com a mesma sílaba.

=P
 ......
Antonio e João

Tom Jobim estava na parada de sucessos dos Estados Unidos, com Garota de Ipanema. Um amigo foi felicitá-lo.

- Tom, que beleza, você está em segundo lugar. Só perde para os Beatles!
E o maestro, com aquele jeito que a gente conhece:
- Mas eles são quatro, né?


(Acho que essa é minha história predileta do show business.) ......

O músico Oswaldo M. foi morar no mesmo flat onde mora João Gilberto, no Leblon. Pediu a um amigo em comum para apresentá-los, o amigo falou que era difícil, você conhece o João, é anti-social. O compositor insistiu, o cara tentou, João respondeu, baixinho:

- Sabe o que é, não gosto de conhecer gente que eu não conheço.







06.05.11
Eduardo Cândido, flauta e clarinete. Você ainda vai ouvir falar muito dele. Mas, lembre-se, primeiro foi aqui.


03.05.11
  (Retiraria a apresentadora que se perde na notícia. Ela é séria. E acontece, E o Kajurú, né, o Kajurú é   mucho loco)     
 ......


Me lembrei agora daquela história do Nietzsche. Ele estava na janela,quando viu um cavalo sendo espancado por seu dono. Foi lá correndo, se meteu entre os dois e abraçou o animal, beijando seu focinho, e chorando muito. Foi para um sanatório; no ano seguinte, morreu.
  ......
  ......




02.05.11


Alguma coisa Sou fã do Garcia-Roza, mas não curti Espinosa sem saída. No entanto, indico Silêncio da chuva, um policial maravilhoso, do mesmo autor. Sábado: Dzi Croquettes. Ontem, mudando os canais, parei na GNT, estava reprisando o casamento real. Dei uma olhada. Ouvindo Paulinho Moska cantar Amores Possíveis. No supermercado, seis laranjas orgânicas custam onze reais. Oe? Festinha na sexta. Café que começou às duas e meia, virou chope, emendou casa de amigo, e depois uma festa. Tinha uma coisa tão interessante pra contar, mas esqueci. Hoje comprei três vasos de violetas, agora que foram esquecidas de vez.


Festa

- Não tem coca zero?
- Cala a boca.


Ahahaha.

(Para Lígia, a lúcida)

 ......
Duas coisas que aprendi com meus filhos vodka no congelador não congela; o homem não foi à lua porque as imagens não têm delay.