Não quero ser repetitiva, apesar de nunca ter dito isso devo ter deixado escapar nas entrelinhas: a beleza de Jon Hamm me emociona. Como um peixe prateado, uma música.













Uma imagem muito remota que tenho de mim: estou na casa da minha avó, no pequeno pátio que liga a copa cozinha ao quarto dos donos da casa. Plantas, e uma parede muito alta, que emoldura um quadrado de céu estrelado. Intrigante é a pequeníssima janela que não se pode alcançar onde, dizem, é a casa dos morcegos. A cidade está comemorando uma data histórica. Uma chuva de papel picado cor de prata cai do céu, me causando uma espécie de êxtase. Provavelmente, o início do meu deslumbre pelas coisas que brilham, que não têm importância, que não aparecem no jornal, a não ser em pequenas notas nas últimas páginas: a Terra é bege, existem minas de diamantes em vulcões extintos, descobriram um planeta cor de rosa.









(...) Mas se os alemães tivessem feito mais três gols, apenas mais três, entraríamos no terreno do fantástico, do inimaginável, da galhofa cósmica. A única reação possível a um 10 a 1 seria uma grande gargalhada, que nos salvaria do desespero terminal. Nada mais teria sentido no mundo, portanto nada mais nos afligiria, e todos estariam perdoados, inclusive o Felipão e a CBF, absolvidos pelo ridículo. Mas não tivemos nem a benção de perder de 10. Continua.


(Veríssimo, O Globo)










The Ocean, 1929, Frederick Judd Waugh









"Vocês falam "Boa praia!" para as pessoas". O que surpreendeu os turistas.









Lola Aronovich @lolaescreva
Traduzindo Ricky Gervais: "Casamento gay ñ é privilégio gay, é direitos iguais. Privilégio seria gays ñ pagarem impostos. Tipo as igrejas"





Alemã desde criancinha.








9.7.14











Samantha me contou que a mulher do Jon Hamm, na vida real (foto), ia interpretar o papel de Phoebe, no Friends. E que a Betty Draper é tão insuportável que a produção de Mad men se vinga colocando a personagem como uma grande chata infeliz. Ela é nose up, deu o golpe num produtor de Hollywood, ficou grávida etc. Bastidores - quem não curte?






Adoro a abertura de Mad men e sempre fico me perguntando quantas vezes a criação teve que fazer outras e mostrá-las ao cliente antes de ser aprovada.






Gosto de Orange, mas levo muitos sustos como quando, nas cenas de flashback, uma personagem diz para outra "Me passa a faca", ou outra coisa assim. E tem baratas adestradas, ratos mortos sobre a cabeceira, socos, navalhas. Então alterno para o mundo de Don Draper onde o máximo que pode acontecer é a agência perder uma conta.







É isso.

@castrijon
"mas eu fui à argentina e fui super bem tratado! conheço argentino ótimos!"
tb tenho amigos corintianos, continuo querendo que eles percam







Neymar e a hashtag da Sadia.











A Alemanha jogou bem, jogou limpo, jogou lindo. Parabéns pra eles, porque eles merecem.













Fred: não precisa jogar bem. Basta ser lindo.











A gente nem sofreu ontem. Foi como puxar um bandeide de uma vez. Aos poucos que é tenso. Sofrimento seria ir para os pênaltis.









Angela Merkel comprou o jogo.











"Vim para assistir o Brasil vencer a Copa do Mundo na final. Também vou para Belo Horizonte nesta terça-feira assistir ao jogo do Brasil e Alemanha"
Gerard Butler

A parte que mais gosto da Copa.





Av. Br: melhor Copa.





















via Ocuppy love








Cat Moss ganhou uma caminha do tio dela.










2.7.14















Felicidade é...















Tão bom andar pelas ruas e ouvir um monte de línguas diferentes, tem mais gringo do que carioca em Ipanema e no Leblon. Um deles estava gravando um cara cantando rap.  O zoom da minha digital é muito bom, porque as pessoas estavam muito longe. Ia tirar várias, mas toda hora alguém tapava a minha visão e te (revisar)

















E no Zona Sul o potinho de nozes é 17, o que já é caríssimo.