minha pedra.

via










patinhos do bem.





























Fernando Collor apresenta a Temer propostas para 'reconstruir país'
via

Oba. Estamos ~salvos~











T.C. Gotch (1854–1931)
via Ledusha



















Agora sim.
Obrigada, A. Capanema, querida.


















Estou mais perdida do que cego em tiroteio.











Nunca me preocupei com a minha saúde, nunca tive médicos, a não ser obstetra, claro, porque tudo era o meu irmão, ortopedista. Ele nunca errou. Sempre nos consultávamos com ele por telefone. "Zé estou com febre e (não lembro a outra coisa)". Ele: "Você está se alimentando bem?" Eu disse que não. "Você deve estar com pneumonia". Fui à clínica: pneumonia. Sempre foi assim. Eu ligava direto pra tudo, principalmente filhos. Era muito fera. Então nunca tive uma agenda médica. Quando minha amiga Lúcia E. teve a paciência de me ajudar a ter uma lista só de médicos legais, meu plano mudou para Amil. Voltei à estaca zero, nenhum deles têm esse plano.


Como fiquei 3 dias de cama, com exaustão imensa, e pedindo muito a Deus para ser anemia e não sinapses em fúria, fui fazer exame de sangue. Não fazia há anos. Porque não posso ver injeção nem no cinema. Descobri um colesterol altíssimo e outra coisa que não sei direito. Minha amiga hematologista vai analisar pra mim. Vou parar o post-carência por aqui, preciso procurar um cardiologista e estou com um monte de janelas abertas na internet.

Saudade grande do meu irmão, mas não por isso.
Por ele. Por ele.

















26.4.16



David Lynch, padroeiro dos sonhos.







via








Andei lendo por aí uma coisa que despertou minha curiosidade. O Sergio Moro foi pra Record?











via Beto Lee






As ideias são como peixes. Podemos encontrá-los à superfície das águas, mas lá em baixo, nas profundezas, é que eles são maiores. E sabem qual é o principal isco para os apanhar? O desejo. Temos que desejar as ideias. É o desejo que traz cá para cima esses peixes graúdos. David Lynch






25.4.16


via





marina w está andando sobre pedras irregulares, com Maria Claudia, na escuridão, quando de repente a amiga despenca. Ouve-se um grito. marina w. fica desesperada porque só tinha visto aquilo no cinema, e não dava para ver o que tinha acontecido com Maria Claudia.

Em outra cena, Mary W. aparece magérrima, para descontentamento de seus fãs. Fica um clima tão sem graça que marina sente-se obrigada a dizer "Gente, o corpo é dela, se ela quiser emagrecer temos que aceitar". Mas ninguém aceitou.

Um menino gordo de 16 anos assiste um jogo desses times que ninguém conhece. Mas na história tem tanta importância que vou em casa, tomo um banho, e coloco uma túnica laranja.


Todas as pessoas nas ruas, todas, são aquelas pessoas que votaram sim na Câmara. Todos de terno e gravata, pra lá e pra cá.


‪#‎cadernodesonhos‬






via





"Relato de um sonho

Vejo-me dirigindo um carro bege antigo, semelhante a um Dodge 1800. Mas durante o sonho ele não parecia antigo, pelo contrário, me parecia moderno e rápido. Quem estava ao meu lado, nova e nervosa, era Dilma. Ela usava calça jeans e uma blusa branca. Nos afastamos do movimento da cidade como se estivéssemos em uma missão importante. Paramos do lado direito de uma rua deserta e neste mesmo lado havia um pequeno prédio de concreto onde deveríamos entrar. Porém, ao descermos do carro, ouvimos uma rajada de tiros vinda do lado oposto, eu já estava ao lado de Dilma e sugeri que entrássemos novamente no carro, pelo lado do carona, o que ela fez com rapidez e sentou-se ao volante. Saímos atônitos da cena e perguntei a ela se o carro era blindado. Ela respondeu que sim e acrescentou não se preocupe, vamos sair dessa. Neste momento senti uma enorme admiração por ela, talvez eu estivesse apaixonado. Eu me sentia feliz."

-AR

cadernodesonhos#dosoutros






via















Abril: comemoração dos 15 anos do bloWg



Correspondência eletrônica
De Amanda Camargo



Marina, sua querida!
eu queria tanto seu livro, e agora vi seu post da eatante virtual, e vi q o livro barateza vende perto da minha casa, aqui em Curitiba. vou buscar hj.
sabe, eu acompanho poucos blogs, mas o seu fica na minha lista de favoritos. e eu ja te disse em outro email. que vc faz bem, sem ter ideia de quem. vc é uma fofa. antenada, moderna, super bom gosto e tira fotos lindas.
obrigada por me deixar sempre melhor, um pouco por dia.
q bom q o blog nao acabou. eu ficaria órfã. e triste. e com saudade de vc.
fique bem. parabéns pelo aniversário do blog. vcs estão debutando e merecem mt felicidade, sucesso e vida longa.
cuide-se. e ria todo dia. e sonhe sempre. sonhar faz mt bem.
um beijo. e um abraço. pq somos amigas (nem q seja só na minha cabeça)
amanda

.....

Beijo, Amanda. Obrigada!























Muitos beijos, São Jorge, Amigão.










Meu ex.













Resumo da vida: fim de semana com sintomas possíveis de anemia. Exame de sangue pela manhã. Cortei o cabelo curto; comprei blush. O contador me mandou um boleto.














tuíter/ Dan Stulbach ‏
Vendo o espetacular canal 100 penso como foi possível idiotas demolirem o Maracanã pra fazerem dele um genérico de si mesmo












Hoje no ônibus um (aparente) rapaz, negro, de roupa impecavelmente limpa, mochila nas costas, e um boné amarelo ovo, não conseguiu passar seu cartão. As barras de ferro que faziam um caminho descombinado, não nos deixava ver o seu rosto direito. O motorista disse que o cartão não era válido, mas que podia dar uma carona, sem problemas. "Você não sabe a pressão lá na garagem". A pessoa então disse que era estudante, que queria usar o seu próprio cartão, não queria carona, e que ele não estava mentindo. Daí que se deu a coisa estranha. "Eu não minto, tenho 53 anos!". Cabeças começaram a procurar um jeito de olhar seu rosto. Cinquenta e três? Com aquela voz? O corpo de rapaz? Então falou alto, em tom firme, porém não agressivo: "Saí do crime. Não quero mais voltar para o crime!".

Avistei o prédio do laboratório e precisei saltar.





















O Brasil não tem responsabilidade nem classe para presidir a Olimpíada. Nada contra unfollow.
















✁- - - - - - - relações - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -  

via @DeniseRossi



















22.4.16

Feliz dia do Anjo da Guarda, Anjo.















via mauroventura






























via jeanboechat






21.4.16 + madrugadinha



"O pensamento negativo corta o barato da criação" - David Lynch










Hoje é dia da Terra.