via @jornalistaslivres





Pilar del Rio, minha feminista preferida.