181017









Liguei pra Comlurb umas três vezes, acabei desistindo e deixando o lixo reciclado nos sacos, pra um dia, quem sabe, levá-lo a um depósito qualquer. Eis que: tocam a campainha. Vou olhar na varanda. Dois garis. "Dona Marina? Viemos buscar o lixo".

:D

Dá-lhe, Comlurb. Único serviço público que presta no Rio. Acontece que ela não consegue vencer a luta do lixo na rua. Só um super herói porque, bicho, como as pessoas são mal educadas.