malinha por dentro, por fora, e caixinha de slides laranja




domingo é meu dia predileto, caso eu não tenha nenhum compromisso. Então fiz nada, muito nada, nada, nada, dormi, acordei, li três páginas de Os maias, dormi, fui ao instagram exibir vários lances que ganhei, caixas e maletas para guardar papéis de colagens. Estavam no sótão há décadas. Silêncio entrecortado por um carro passando, um vassoureiro, e por maritacas. Vou sentir saudade das maricatas.


Preguiça, muita preguiça, escrevo dez linhas no word, chocolate belga, Coca-Cola. Faço e apago posts. Ser adulto é: almoço-jantar amendoins do Hortifruti, e bolo de chocolate e coco. Ontem, churrasco vegetariano, na Ilha Primeira. Andar de balsa no escuro. Frisson. Bom frisar que estou tomando suco verde rigorosamente, todos os dias, há um mês. Aí eu já ganho um ponto.